RELEASE ONE DAY HAND

Ex puBlicitário trabalha Por 31 dias seguidos em 31 lugares diferentes para experimentar 31 coisas que nunca fez na vida. 

EDUARDO TALLEY LARGOU A ROTINA E ABRIU MÃO DE UM BOM SALÁRIO COMO DIRETOR DE ARTE PARA DESCOBRIR O REALMENTE AMA.

Foram 31 dias seguidos trabalhando em 31 lugares diferentes. A ideia de experimentar novas profissões e encontrar relevância naquilo que faz foi o que levou à frente o projeto do publicitário Eduardo Talley. “Não faz mais sentido fazer a mesma coisa todos os dias. Não faz mais sentido ter apenas uma profissão pelo resto da sua vida. Não faz mais sentido ser definido pelo que eu faço”, argumenta ele.

Antes de criar esse desafio, o brasiliense, de 31 anos, passou 10 deles trabalhando no mercado publicitário, até que um dia – após uma viagem pelo mundo - percebeu que precisa trocar de emprego. Precisava ser algo novo, com novas tarefas e desafios. Então, por que não fazer algo diferente a cada dia?

“O que eu posso fazer por você por um dia?”

Com essa ideia louca e ao mesmo tempo inspiradora, ele criou o projeto One Day Hand. Funcionou assim: em uma plataforma, ele oferecia sua mão de obra por um dia. Pessoas interessadas reservavam uma data, contavam o que precisavam e ofereciam um lance - que não precisava ser necessariamente dinheiro - poderia ser um produto, serviço ou troca de conhecimento.

E assim, ele atuou como cervejeiro, pintor, jardineiro, produtor de shows e até como babá. O pagamento veio das mais diferentes formas: dinheiro, cursos, plantas e comida. Eduardo aceitou qualquer trabalho que na visão dele tivesse alguma relevância e que fosse diferente do que ele já tinha feito na vida.

Na primeira semana, eu sentia aquele frio na barriga de primeiro dia de trabalho. Será que vai ser legal? Será que vai ser muito diferente? Vou ser bem recebido? Sentia isso todos os dias”, conta.

O experimento, que foi realizado em São Paulo, lhe rendeu muito aprendizado e 31 boas histórias. 

“ Provavelmente umas das experiências mais difíceis e intensas que já vivi profissionalmente. E já vivi muita coisa nesses anos de publicidade - já dormi muitas noites no chão da agência, muitos fins de semanas entregando campanhas intermináveis e muitos dias que jurava que não iria dar conta, mas nada disso se compara como foram esses 31 dias. Por outro lado, nunca me emocionei e chorei tanto de alegria e satisfação por ter entregue um trabalho, em 10 anos de publicidade, como no último dia desse projeto”.

Hoje, ele já não se define mais como publicitário. Aliás, nem como jardineiro, nem fotógrafo, muito menos vendedor: “eu sou um fazedor”,  afirma ele. Eduardo diz que ainda está em busca de dias diferentes e a ideia dele é lançar, em breve, a segunda fase do projeto no Rio de Janeiro e depois em outros lugares do mundo.

Fonte: Publieditorial - Catraca Livre



SAIBA MAIS

QUEM? Meu nome é Eduardo Talley. Sou ex publicitário. Trabalhei mais de 10 anos com publicidade e live marketing. Há 4 anos, saí de agência e fui dar uma volta ao mundo para fazer uma pesquisa de cultura, tendência e novos negócios. Aí tudo mudou. Desde então, decidi que viveria e trabalharia em áreas que nunca pensei que faria na vida. Durante esse tempo, venho contando uma história dessa decisão (talley.com.br) e há 1 ano descobri um jeito de contar essa mesma história de uma forma diferente - O ONE DAY HAND.


POR QUE? Porque estamos, todos os dias, em busca de sentido e relevância no que fazemos. 

Os valores mudaram e as receitas dos nosso pais já não funcionam mais. Não faz mais sentido você definir o que você irá fazer pelo resto da sua vida sem viver. Não faz mais sentido ter apenas uma carreira que não te faz feliz. Não faz mais sentido ser definido pelo que eu faço, e nem você. 

COMO? Uma mão por um dia. Por 1 mês, vou trabalhar  31 dias seguidos em 31 lugares diferentes para contar 31 histórias de pessoas que amam o que fazem.

Para isso, criei uma plataforma onde qualquer pessoa poderá entrar, abrir o calendário do mês e reservar uma data para me contratar por um dia na sua empresa, evento ou projeto para ajudar em um trabalho que ela acredita e possamos fazer juntos.

O QUE? O ONE DAY HAND é uma oportunidade para experimentar algo novo a cada dia. De virar a chave e descobrir um mundo cheio de possibilidades. De descobrir o que você é, o que você quer e o que você realmente ama.

Uma oportunidade de descobrir, na prática, um novo sentido e relevância em trabalhos que nunca pensou que faria na vida, mesmo que seja só por um dia.


One Day Talk

Descrição para palestras, conversas e WorkSHOPS.

Buscando mais sentido em tudo o que fazia, Eduardo Talley resolveu criar o One Day Hand, um laboratório prático no qual trabalhou 31 dias seguidos em 31 lugares diferentes para experimentar coisas que nunca havia feito na vida. Ele vai contar como usou esse projeto para se preparar para o futuro do trabalho, além de apresentar técnicas e direcionamentos simples para que profissionais possam descobrir um mundo cheio de possibilidades, encontrando relevância em trabalhos diferentes. Como? Experimentando algo novo, nem que seja por um dia.


EDIÇÃO 01
SÃO PAULO

Em maio, comecei um projeto na cidade de São Paulo que foi, até então, um dos maiores desafios da minha vida - Trabalhar 31 dias seguidos em 31 lugares diferentes em busca de experiência e descobrir o que realmente amo. Eu consegui! Trabalhei 31 dias seguidos em 31 lugares diferentes e descobri que eu amo fazer isso.

EDIçÃO 02
Rio de janeiro

Próxima edição do projeto acontecerá  na cidade do Rio de Janeiro - Em breve.

EDIÇÕES OTIMISTAS

EDIÇÃO 03
BUENOS AIRES

Edição 04
São Francisco

EDIÇÃO 05
bangkok

EDIçÃO
LITE

One Day Hand LITE
Edição Independente - Qualquer um poderá para fazer Qualquer dia, qualquer lugar e qualquer trabalho.