Mão do Dia: Assistente de Cozinha Boa e Sem Frescura
Porque: "Trailer de comida de rua com conceito de cozinha livre. A gente tenta levar comida boa com preços razoáveis e sem frescuras!" Hugo Pachiella


Aconteceu no Dia


Quantas pessoas trabalham no dia do trabalhador? Algumas. Algumas pessoas dirigem um carro para te levar onde você quer nesse dia de folga. Algumas pessoas trabalham no mercado para não te faltar nada nesse feriado. Algumas trabalham para fazer o seu lanche no calor de uma chapa quente, até para um domingo frio. Você já viu essas pessoas? São trabalhadores, que tem um trabalho tão importante quanto o seu.

Hoje, eu tive o prazer de ser um desses trabalhadores. Hoje dei uma mão para o food truck, Motim Cozinha Pirata. 

O QUE FIZ: Assistente de cozinha boa e sem frescura.
O QUE APRENDI: Aprendi a manter uma cozinha limpa. Aprendi a cortar, picar e preparar os alimentos. Aprendi a me virar em uma chapa. Aprendi a fazer um bom sanduíche de linguiça. Aprendi a ser menos inseguro na cozinha.
UMA HISTÓRIA: Nunca fui bom na cozinha. Moro só desde os 19. Cozinha de solteiro, sabe? Sempre cozinhei pra mim mas poucas vezes para os outros. Talvez eu até cozinhe bem mas eu não confiaria fazer um prato para mais de 4 pessoas. Mas hoje, no Motim, cozinhei (dei uma mão) pouco mais de 70 lanches para mais de 50 pessoas. Foi definitivamente um recorde. E o mais importante, elas gostaram. \o/ 

EM POUCAS PALAVRAS: O dia 01 foi um feliz dia do trabalhador. 

KITCHEN HAND HOURS: +8h
O QUE GANHEI: $