Siga @eduardotalley no Snapchat

O QUE EU FIZ: Dei uma mão em um dos dias mais cheios do mês do Mandíbula.

UMA HISTÓRIA: Sempre gostei do Mandíbula. Sempre pensei como seria trabalhar nesse lugar por um dia, mesmo antes de criar um projeto de trabalhar em lugares por um dia.

O QUE APRENDI: Aprendi a trabalhar um bar em um dia cheio. Aprendi a pegar cerveja, dançar e comer amendoim ao mesmo tempo. Aprendi a chegar de avião no trabalho.

EM POUCAS PALAVRAS:  Não dá para fazer One Day Hand em duas cidades ao mesmo tempo.


BAR - HAND HOURS: +6h  
O QUE GANHEI: $ / Cerveja

DIÁRIO DO DIA:
Dia 9 / 14:10: D. Lucília me deixa no aeroporto de BSB.
Dia 9 / 14:15: Fazer check-in.
DIA 9 / 14:30: Procurar trabalho para o dia 9.
Dia 9 / 15:09: Escrever email para Mandíbula para confirmar o trabalho.
Dia 9 / 15:10: Enviar email antes da aeromoça mandar desligar a aparelhos eletrônicos.
Dia 9 / 15:30: Escrever o post do dia 8 durante o vôo BSB-CGH e cochilar por 15min para recuperar o mínimo de energia para o trabalho do dia 9 que não está fechado ainda.
DIA 9 / 17:00: Aterrissagem no aeroporto de CGH
DIA 9 / 17:15: Abrir o computador no saguão do aeroporto e torcer para o Mandíbula ter respondido o email de proposta de trabalho.
DIA 9 / 17:20: Dia 9 confirmado no Mandíbula!
DIA 9 / 17:30: Tentar pegar um Uber e esperar não ser agredido por um taxista.
DIA 9 / 17:45: Descobrir que é bloqueado pedir um Uber no aeroporto de CGH.  
DIA 9 / 18:00: Correr para um ponto e pegar qualquer ônibus para sair do aeroporto.
DIA 9 / 18:45: Chegar na paulista em meio de manifestação e pegar um uber para chegar a tempo de não ser demitido no dia de trabalho.
DIA 9 / 19:00 - 01:00 / Mão do Dia: Chegar e trabalhar no Mandíbula. \o/

Comment